Um cabeleireiro aplica spray no cabelo comprido, escuro e oleoso da modelo.

Cabelos oleosos: como proteger os fios e acabar com o aspecto engordurado

 

Quem sofre com os fios oleosos entende o desespero que é lavar o cabelo de manhã e encarar os fios pesados e engordurados até o fim do dia. Nada parece funcionar: lavar o cabelo mais vezes na semana pode piorar o quadro, secá-lo com o secador também. 

A oleosidade excessiva pode causar outras complicações, como dermatites, a caspa e até a queda de cabelo. Então, o que fazer para acabar com a oleosidade? A solução é mais simples do que você pensa:

 

1. Cabelos ficam mais oleosos com lavagens excessivas

Lavar o cabelo com mais frequência não é a melhor arma para combater a oleosidade. Exagerar no número de lavagens pode piorar o quadro porque vai fazer o seu couro cabeludo produzir ainda mais gordura. 

Se a oleosidade não for totalmente retirada, a glândula sebácea estimula a produção de mais gordura e o resultado é um cabelo mais oleoso.

Por isso, o ideal é lavar os fios em dias alternados.

 

2. Descubra o que são os tensoativos 

Os produtos desenvolvidos para cabelos oleosos possuem tensoativos: substâncias que se ligam em gorduras e sujeiras para eliminá-las durante o banho. 

O lauril sulfato de sódio, por exemplo, é um tensoativo que age como um potente agente desengordurante. Ele está presente em alguns produtos e proporciona a limpeza e a remoção da oleosidade.

Mas da mesma forma que tira a oleosidade, ele elimina a gordura natural que mantém a pele hidratada. Por isso, se você exagerar no uso desse tipo de substância, pode ressecar o couro cabeludo e causar um efeito contrário. 

O shampoo a seco, por exemplo, pode ser uma ótima ferramenta para quebrar o seu galho em situações de urgência, mas também é melhor não usá-lo com muita frequência, pois pode causar caspa.

 

3. Use os produtos corretos

Para não arriscar e proporcionar aos seus fios a limpeza na medida certa, opte por produtos que desintoxiquem o seu cabelo e restaurem os nutrientes essenciais para manter os fios saudáveis. 

Os produtos da linha TRESemmé® Detox Capilar, por exemplo, purificam os fios e proporcionam leveza e movimento.

 

4. Troque o óleo pelo creme de pentear com ingredientes botânicos 

Aquele oleozinho hidratante parece uma ótima opção para dar brilho aos fios durante o dia, mas se o seu cabelo já for bem oleoso, o ideal é utilizar cremes de pentear com agentes que deixem os seus fios mais soltos.

Quando sair do banho, passe um pouco do creme de pentear da linha TRESemmé® Detox Capilar nos fios ainda molhados. Ele ajuda a suavizar as cutículas e reduzir o frizz, pois a sua fórmula contém ingredientes botânicos, como o chá-verde e o gengibre, conhecidos por suas propriedades antioxidantes, além de proteína de trigo, perfeita para hidratar o cabelo sem deixá-lo pesado.

 

5. Não apele para o limão nem para o vinagre

Muitas pessoas dizem que é interessante utilizar misturas caseiras de vinagre e limão para tratar o cabelo oleoso. Isso é um perigo para os fios. Além de deixar o seu cabelo seco, a tática vai estimular as glândulas sebáceas e piorar ainda mais a oleosidade. E o limão pode, inclusive, irritar a sua pele.

 

6. Massageie bem o couro cabeludo durante o banho

Massagear o couro cabeludo é relaxante, estimula o crescimento dos fios e desobstrui os poros. Aliás, uma das principais causas do excesso de oleosidade é justamente o entupimento dos poros. O uso exagerado de cremes sem enxágue, óleos, sprays fixadores e outros produtos também podem fechar os poros. Para desentupi-los, as glândulas sebáceas intensificam a produção de sebo e aumentam a oleosidade nos fios. 

 

E a última dica: quando secar o cabelo, não use um jato de ar muito quente. Isso pode, inclusive, aumentar a oleosidade e machucar o seu couro cabeludo. 

 
SHOP THE STORY
I am looking for
( 4 products )